Melhores Lava Louças

Se você chegou à conclusão de que lavar louça é um desperdício de tempo e decidiu procurar o melhor modelo de máquina lava-louças para as suas necessidades, está no lugar certo.

Selecionamos e analisamos as melhores lava-louças do mercado para facilitar sua escolha.

Embora o uso da lava-louça ainda não seja tão difundido no Brasil, a cada dia mais pessoas optam por essa facilidade que ajuda a economizar tempo, água e até mesmo evita desentendimentos domésticos.

E justamente por ser um eletrodoméstico não tão popular, as dúvidas na hora da compra são muitas.

Neste artigo, apresentamos os itens que devem ser considerados ao escolher uma lava-louças para uso doméstico e listamos os melhores modelos disponíveis no mercado.

Melhores Lava Louças de 2018

1º - Electrolux LI14X Alta capacidade e eficiência
2º - Brastemp Ative! (BLF12) Espaçosa e multifuncional
3º - Electrolux LI10B Versátil e eficiente
4º - Brastemp Ative! (BLF08) Potente e com ótimo preço
5º - Consul Facilite CLC06AS Compacta e fácil de instalar

Como escolher uma máquina de lavar louça?

O primeiro passo, antes de começar a pesquisar sobre que lava-louças comprar, é avaliar o espaço disponível em sua cozinha para acomodar esse eletrodoméstico.

E lembre-se de que serão necessários um ponto de entrada de água e outro de saída. Para alguns modelos menores, é possível adaptar a torneira da pia como ponto de entrada e o ralo como saída.

As dimensões de uma lava-louças estão diretamente relacionadas à sua capacidade. E a quantidade de utensílios que cada modelo consegue lavar por vez é medida em “serviços”.

É possível encontrar lava-louças com capacidade para 6 serviços, as menores, até aquelas que conseguem lavar até 14 serviços.

O que são os serviços de uma lava-louças

Um serviço corresponde ao número de utensílios que uma pessoa utiliza por refeição.

Nessa medida, são considerados apenas os pratos (um raso, um fundo e um de sobremesa), um copo, um jogo de talheres, uma xícara e um pires.

Panelas, frigideiras, travessas, jarras e outros utensílios não entram na conta, embora possam ser lavados normalmente nesse tipo de máquina.

Não existe uma fórmula pronta para calcular o número de serviços ideal para o tamanho de cada família, pois também é necessário pensar em quantas refeições são feitas em casa e se as visitas são frequentes.

De modo geral, podemos dizer que as lava-louças menores, de 6 serviços, são ideais para quem mora sozinho ou para um casal sem filhos que não almoça em casa.

Modelos com capacidade de 8 e 10 serviços conseguem suprir as necessidades de uma casa com 3 ou 4 pessoas.

Para famílias com 5 pessoas ou mais, o ideal é optar por um modelo grande, de 12 ou 14 serviços. Esse tipo de lava-louças, de piso, é o que ocupa mais espaço na cozinha.

Existe ainda a possibilidade de embutir a lava-louças, o que garante um melhor aproveitamento do espaço.

Programas da lava-louças

Assim como as máquinas de lavar roupas, as lava-louças oferecem diferentes programas ou ciclos de lavagem.

Dessa forma, é possível adequar o volume e a temperatura da água utilizada, quantidade de sabão e tempo de lavagem ao nível de sujeira e tipo de utensílios que serão higienizados.

Como a lava louças funciona?

O mecanismo interno da lava-louças consiste em duas hélices, uma no teto e outra no piso da máquina, que soltam jatos fortes de água aquecida (em média a 50º C). Uma exceção são os modelos compactos, de 6 serviços, que em geral possuem apenas uma hélice inferior.

A máquina dissolve o sabão na água aquecida e a lança em jatos pressurizados sobre as louças. Durante um ciclo de lavagem essa mesma água com sabão recircula várias vezes, por isso o consumo em litros é menor, comparado à lavagem manual.

Na primeira etapa de enxágue as hélices soltam jatos fortes de água limpa aquecida sobre os utensílios, retirando o sabão.

O líquido secante é diluído na água do último enxágue, agindo como hidro repelente, evitando que marcas de pingos d’água se formem sobre as peças. A água é drenada da máquina.

Dependendo do ciclo utilizado, existe a etapa final de secagem, onde a temperatura alta faz com que a água ainda presente nos objetos seja evaporada.

Que tipo de detergente deve ser usado na lava-louças?

Existem um sabão específico para lava-louças, que pode ser encontrado nas versões em pó ou em tabletes. Embora tenha um custo mais elevado que o detergente comum, esse tipo de produto apresenta alto rendimento.

Também é necessário utilizar o “líquido secante abrilhantador”, que como o nome sugere, auxilia no processo de secagem dos utensílios a ajuda a dar brilho às peças.

Esse produto tem uma durabilidade ainda maior do que o detergente para lava-louças, já que não precisa ser reposto a cada lavagem.

É preciso enxaguar os utensílios antes de colocá-los na lava-louças?

Não, isso é totalmente desnecessário. Recomenda-se apenas retirar os restos de comida, como se faz na lavagem manual, antes de colocar na máquina.

Com sua combinação de água aquecida, jatos fortes e sabão de maior performance, a lava-louças proporciona um nível excelente de limpeza.

Porém, para garantir a eficiência da lavagem, não se deve exceder a quantidade máxima de louça estabelecida pelo fabricante.

Também é importante saber posicionar os utensílios no interior na lava-louças, o que vem explicado no manual do aparelho.

Qual a melhor lava louças?

A seguir você encontra o ranking das melhores lava-louças disponíveis no mercado. Os critérios utilizados na seleção foram: capacidade, funcionalidades, relação custo-benefício, design e avaliações dos consumidores.

1° – Electrolux LI14X Inox 14 serviços

Melhor Lava Louças

Com espaço de sobra para lavar todo tipo de utensílio, incluindo panelas grandes, diversas funcionalidades e um design moderno, a lava-louças Electrolux LI14X Inox, de 14 serviços, ficou em primeiro lugar no ranking.

Esse modelo permite ajustar os dois cestos, de acordo com o tamanho dos objetos a serem lavados e tem um terceiro compartimento exclusivo para os talheres, removível, que assegura que eles fiquem na posição certa para uma lavagem eficaz.

Tem 5 programas de lavagem: inteligente, que seleciona o tipo de lavagem de forma automática, detectando o nível de sujeira da louça; delicado, para itens mais frágeis; panelas; express, que dura 30 minutos e normal.

Conta ainda com a função aquajet, que é um tipo de pré lavagem, somente com água, que dura 8 minutos.

Essa funcionalidade evita que a louça, ao ficar acumulada na máquina, enquanto a capacidade máxima não é atingida, cause mau cheiro. Também evita que sujeira seque e se torne mais resistente.

Outra função que o modelo oferece, “higienizar louça”, consiste num último enxágue com água a 70º C, sendo muito útil para quem tem crianças em casa.

O painel blue touch dá um toque extra de modernidade ao modelo e é simples de usar. Tem indicador que avisa quando é preciso repor o óleo secante.

As dimensões aproximadas da lava-louças são: 83 cm de altura, 60 cm de largura e 60 cm de profundidade. Por não ser tão largo, é um modelo ótimo para embutir, podendo também ser colocado simplesmente sobre o piso.

Tem classificação de consumo de energia elétrica “A”. Entretanto, o gasto energético varia conforme o programa de lavagem utilizado.

Para um modelo de 14 serviços, é uma lava-louça bastante silenciosa, podendo ser utilizada à noite sem problemas por quem vive em apartamento.

Embora seja a primeira colocada em nossa lista, não podemos deixar de fazer algumas considerações sobre a Electrolux LI14X Inox

Por ser um modelo grande, na maioria dos casos é preciso fazer algumas adaptações na cozinha antes da instalação.

É necessário ter um ponto de entrada de água exclusivo para a lava-louças, que pode ser uma torneira usada só para este fim.

O fabricante também aconselha ter um disjuntor somente para o aparelho.

A mangueira que drena a água suja deve ser conectada a um tubo ou deixada no tanque, desde que o mesmo não tenha mais de 1 m de altura.

Tirando esses cuidados que precisam ser observados, trata-se de um modelo bonito, muito eficiente e com ótimo custo-benefício.

Prós

  • Design
  • Lava panelas grandes
  • Silenciosa
  • Eficiência energética “A”

Contras

  • Pode exigir adaptações na cozinha

2º – Brastemp Ative! 12 Serviços (BLF12)

Brastemp Ative! 12 Serviços BLF12

A Brastemp Ative! 12 Serviços também é uma ótima escolha para quem tem espaço suficiente e muita louça para lavar.

Permite suspender o cesto superior para alocar panelas e outros utensílios grandes no cesto inferior, possibilitando lavar diversos tipos de louça.

Também tem função pré-lavagem sem sabão, chamada aquaspray, para evitar o ressecamento da sujeira e mau cheiro na lava-louças.

Oferece 6 programas de lavagem: smart sensor, que adapta a lavagem ao volume de louça e nível de sujeira; dia a dia, para sujeira normal; pesado, para panelas e louças muito sujas; delicado, para cristais e objetos delicados; rápido, que não seca a louça e econômico, que usa menos água e luz.

O painel é simples e funcional, com um timer que mostra quanto tempo falta para o término do ciclo de lavagem. Também indica quando é preciso reabastecer o líquido secante, com um sinal luminoso.

Um diferencial que o modelo oferece é a função meia carga, para quando a lava-louças não está cheia, possibilitando economia de energia elétrica e água.

Seu design não tem grandes inovações, mas também não chega a enfeiar a cozinha. Está disponível nas cores preto, inox e branco.

Suas dimensões aproximadas são: 86 cm de altura, 60 cm de largura e 63 cm de profundidade. Pode ser instalada sobre o piso ou embutida embaixo da bancada.

O consumo de água e energia varia de acordo com o programa de lavagem utilizado. Usando como referência o programa “dia a dia”, para louças com nível normal de sujeira, utiliza 16 litros de água, 1,4 kWh para modelos 127 v e 1,3 kWh para aparelhos 220 v (não é bivolt).

Os requisitos para instalação são semelhantes aos da Electrolux 14 serviços, podendo exigir adaptações no ambiente.

Pontos fracos do modelo

Alguns consumidores opinam que a Brastemp Ative BLF12 peca no quesito aproveitamento do espaço interno. Quando se ajusta o cesto superior para alocar objetos maiores na parte de baixo da máquina, fica difícil encontrar espaço para copos, por exemplo.

Inclusive, no manual do aparelho recomenda-se não carregar a lava-louças com pratos, copos e tigelas ao lavar panelas.

E no quesito preço, ela é mais cara que a Electrolux LI14X Inox, mesmo com uma capacidade menor.

Mas não deixa de ser uma excelente lava-louças, a melhor opção para quem só confia na Brastemp.

Prós

  • Boa capacidade e potência
  • Função meia carga
  • 6 programas de lavagem

Contras

  • Design dos cestos
  • Preço alto

3º – Electrolux 10 Serviços (LI10B)

Electrolux LI10B

Esse modelo é ideal para quem busca uma lava louça de capacidade intermediária e que não ocupe tanto espaço na cozinha. Pode ser facilmente acoplada a um móvel ou colocada sobre a bancada da pia, dependendo da altura da mesma.

Suas dimensões aproximadas são: 83 cm de altura, 45 de largura e 60 de profundidade. Por ter a largura reduzida e ser mais alta, possibilita lavar utensílios maiores, como pratos grandes, travessas e panelas.

Seu design clean, somado à cor branca e o diferencial do painel blue touch ajudam a dar um toque de sofisticação ao visual da cozinha.

Tem dois cestos internos e um compartimento especial para talheres, removível. A altura do cesto superior é regulável, para facilitar a colocação de objetos grandes na parte de baixo da máquina.

Precisa de um ponto de água exclusivo, mas o descarte da água pode ser feito na pia ou tanque. Como a água que sai da lavagem é aquecida, ajuda a evitar entupimento nos canos.

Está equipada com 5 funções: inteligente, que detecta automaticamente a quantidade de louça e nível de sujeira; normal, para um nível de sujeira regular; delicado, para cristais e louças frágeis em geral; panelas, para panelas e louça com sujeira ressecada; e express, que dura apenas 30 minutos.

Conta ainda com as funcionalidades aquajet, que faz uma pré-lavagem na louça apenas com água e “higienizar louça”, que faz um último enxágue a 70º C.

O painel é fácil de usar e limpar, tem alerta luminoso para o nível de óleo secante e pode ser travado, evitando alterar a programação acidentalmente, ao esbarrar na máquina.

Se você leu a avaliação da Electrolux 14 serviços que está no topo da lista, já deve ter percebido que a LI10B é praticamente uma versão menor com cor diferente.

E é exatamente isso, o que as diferencia é somente o tamanho e a capacidade de louça que cada uma consegue lavar.

A grande desvantagem desse modelo é o preço, que chega a custar o mesmo que sua “versão 14 serviços”

Entretanto, é a melhor alternativa para quem precisa de uma máquina com capacidade média e ao mesmo tempo quer economizar espaço.

Prós

  • Multifuncional
  • Otimiza o aproveitamento do espaço
  • Silenciosa

Contras

  • Preço relativamente alto

4º – Brastemp Ative! 8 Serviços BLF08

Brastemp Ative! 8 Serviços BLF08

Esse modelo de 8 serviços oferece um pouco mais de espaço e é mais potente que as versões compactas de 6 serviços. Por ter hélice superior, a eficiência na lavagem é melhor.

O consumo médio de água por lavagem fica em torno de 15, 3 litros e cada ciclo utiliza em média 0,78 kWh de eletricidade, segundo o fabricante.

Pode ser colocada sobre a bancada da cozinha ou embutida debaixo do gabinete. O ideal é ter uma torneira exclusiva para abastecer a lava-louça, assim com um cano de saída de água.

Na falta dessas condições, pode-se adaptar a torneira da pia ou tanque como ponto de entrada de água. Mas os itens necessários para este tipo de instalação não acompanham o aparelho.

Também é possível deixar a mangueira de drenagem posicionada sobre o ralo de um tanque ou pia.

Já uma tomada exclusiva para a máquina é indispensável.

Para usá-la embutida, é preciso deixar um espaço de 5 cm em cada lateral e na parte traseira, para saída de vapores e ventilação do aparelho.

Embora seja uma lava-louças de porte pequeno, permite lavar tigelas, panelas pequenas e médias, assim como pratos grandes.

O cesto superior tem altura regulável. Posicionando-o no nível mais alto, é possível colocar pratos de até 29 cm no centro do cesto inferior e de até 30 cm na lateral.

E o compartimento móvel para talheres é bastante funcional.

Tem função de pré-lavagem acquaspray com água fria e 5 programas de lavagem: pesado, dia a dia, delicado, rápido e econômico.

O painel é simples de usar e facilita na hora da limpeza. Indica qual etapa de lavagem está sendo executada em cada programa.

Seu design é um tanto simples. Entretanto, o recorte em vidro na porta, que prejudica o visual, serve para identificar rapidamente problemas no funcionamento da lava-louças, como o travamento da hélice por objetos.

O preço do aparelho é realmente muito competitivo, o que somado às suas funcionalidades e potência a tornam a melhor escolha entre os modelos de 8 serviços.

É claro que ela não recebe nota 10 de todos os consumidores, embora conte com avaliações majoritariamente positivas, inclusive de quem possui o modelo há bastante tempo

Uma das críticas frequentes é sobre o design dos cestos, já que ao reposicionar o compartimento superior, seu uso fica muito limitado.

Alguns proprietários também se queixam de uma certa dificuldade em posicionar corretamente os cestos sobre os trilhos.

Fora tais ressalvas, é o melhor modelo de lava-louças 8 serviços do mercado.

Prós

  • Eficiente
  • Tamanho reduzido
  • Preço acessível

Contras

  • Design dos cestos

5º – Consul Facilite 6 Serviços CLC06AS

Consul Facilite 6 Serviços CLC06AS

Esse é o modelo ideal para quem não dispõe de muito espaço na cozinha e busca um produto de fácil instalação, que não exija adaptações no ambiente.

O consumo de água fica em aproximadamente 8 litros por lavagem, segundo o fabricante.

Já o gasto médio de eletricidade varia de acordo com a voltagem do aparelho (que não é bivolt): 0,8 kWh para 110 v e 0,63 kWh para 220 v.

Seu design é simples, com um toque de modernidade por conta do painel.

A Consul facilite 6 serviços pode ser instalada sobre a bancada da pia da cozinha, utilizando a torneira como entrada de água. O descarte da água usada é feito pela própria pia também.

Vem com um adaptador de torneira e um engate para fazer a instalação, que é realmente bem simples.

O cesto tem indicadores de posição para cada tipo de utensílio (pratos, xícaras, tigelas, travessas e talheres). Consegue lavar até 60 peças por ciclo, dependendo do tamanho dos objetos.

Os suportes flexíveis do cesto podem ser dobrados, o que facilita bastante na hora de lavar panelas pequenas ou louças maiores.

O display é fácil de entender. Indica que etapa da lavagem está sendo executada, permite pausar o processo e mostra quando é preciso reabastecer o líquido secante.

Essa lava-louças compacta vem com 5 programas de lavagem: pesado, dia a dia, delicado, econômico e rápido. Isso permite escolher o melhor ciclo para diferentes níveis de sujeira. Conta ainda com a função aquaspray, uma pré-lavagem sem sabão.

Usando a quantidade de sabão recomendada e o ciclo de lavagem apropriado ao nível de sujeira da louça, as peças saem realmente limpas.

É ainda considerada uma lava-louças silenciosa pela maioria dos usuários.

Gostaríamos de ficar só nos elogios, mas como qualquer eletrodoméstico, a Consul compacta também tem seus pontos fracos

Usando a torneira da pia como entrada de água, seu uso fica impossibilitado durante o funcionamento da lava-louças.

O engate até tem um botão vermelho que permite usar a água da torneira enquanto a máquina está ligada. Porém, no manual o fabricante aconselha a evitar utilizá-lo (para que existe então?).

Além disso, sua altura só permite lavar pratos com até 25 cm. Isso pode ser um problema para quem gosta de pratos grandes.

Fora isso, apresenta um excelente custo-benefício, sendo a melhor opção de lava-louças 6 serviços.

Prós

  • Compacta
  • Fácil instalação
  • Silenciosa

Contras

  • Dificulta o uso da torneira da pia
  • Não comporta utensílios grandes

A lava-louças é um eletrodoméstico que ajuda a poupar tempo e que, se usado adequadamente, não aumenta significativamente o consumo de energia elétrica e ainda economiza água.

O importante é escolher o modelo que melhor se adapta às suas necessidades, além de caber na sua cozinha e no seu bolso.

Esperamos que o artigo tenha sido útil para esclarecer suas dúvidas, lhe ajudando a tomar a melhor decisão.

3 comentários

  1. Amigo uma dúvida, vi algumas reclamações na internet sobre as grades das gavetas que acondicionam os pratos, talheres, copos etc oxidarem com o tempo de uso da máquina e soltarem pedaços, parece que essas são revestidas somente por uma tinta e não são aço inox. Essa informação está correta e as máquinas de lavar estão sujeitas a esse desgaste com o uso? Talvez mal uso da máquina ou sabão errado? Desde já agradeço a atenção

    1. Olá Bruno,

      Também identificamos algumas reclamações neste sentido, realmente os cestos não parecem ser de inox, mas ao que tudo indica eles só enferrujam caso a tinta seja removida de alguma forma. Como você mesmo disse, o mau uso como posicionar erradamente os utensílios ou a utilização de sabão inadequado pode acabar danificando a tinta do cesto e propiciando a ferrugem.

      O importante é seguir todas as indicações fornecidas pelo fabricante no manual do produto. Se mesmo assim isso acontecer, é preciso acionar a assistência técnica para o reparo ou troca das peças danificadas.

      Obrigado!

      1. Eu já tive 3 lava louças . A 1 era enxuta , e as outras 2 Brastemp .
        Nas 2 primeiras não enferrujou a grade .
        Essa 3 , Brastemp eu já mandei lixar e pintar a grade e já está toda enferrujada novamente
        O problema que vejo , é que ela não tem respiro a porta só fica aberta ou fechada . As outras 2 ficavam entreabertas E não acumulava umidade fechada .

Ficou alguma dúvida? Quer uma indicação? Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.