Melhores Escovas Secadoras

Procurando a melhor escova secadora? Realizamos uma seleção com os melhores modelos do mercado para que você possa encontrar a opção perfeita para a sua necessidade.

Mas antes de apresentar os nossos escolhidos, vamos destacar algumas características importantes na hora de escolher a sua escova.

Melhores escovas secadoras de 2022

Britânia BEC07R Escovas Secadoras Britânia BEC07R Melhor escova secadora Todos Preços
3
Britânia BEC02 Escovas Secadoras Britânia BEC02 Melhor custo benefício Todos Preços
3
Philco PEC09RG Escovas Secadoras Philco PEC09RG Outra boa opção Todos Preços
3
Mondial ES-02 Escovas Secadoras Mondial ES-02 Leve e potente Todos Preços
3
Mondial ES-01 Escovas Secadoras Mondial ES-01 A melhor com formato raquete Todos Preços
3
Britânia BES10 Escovas Secadoras Britânia BES10 Muito leve e econômica Todos Preços
3
Philco Soft Brush Escovas Secadoras Philco Soft Brush Escova secadora de melhor preço Todos Preços
3

Como escolher a melhor escova secadora?

Antes de apresentar os nossos escolhidos, vamos destacar algumas características importantes na hora de você escolher a sua escova.

Características Técnicas

As características técnicas que devemos considerar são: potência, temperatura, voltagem, tecnologias de tratamento, peso, formato e consumo de energia.

Potência

A potência, de maneira geral, é responsável por determinar a quantidade de calor que a escova irá atingir.

Normalmente, quanto maior a potência, mais alta será a temperatura alcançada, o que pode tornar a velocidade de secagem mais rápida.

A potência também está diretamente ligada ao consumo do produto.

Quanto maior a potência, maior será o consumo da escova secadora.

Temperatura

O controle da temperatura também é algo bem importante.

As variações dela são necessárias para que a escova possa se adaptar a diferentes tipos de cabelo, para que dessa forma ela atenda desde os fios mais finos, que não necessitam de tanto calor, até os mais grossos, que aceitam temperaturas mais elevadas sem sofrerem tanto dano.

Neste tipo de produto, a temperatura costuma seguir uma linha direta com a velocidade.

A velocidade 1 sendo ligada ao ar frio, a 2 o ar médio e 3 o ar mais quente.

Voltagem

A voltagem, por mais simples que pareça, também é uma característica valiosa e que pode fazer a diferença.

Escolher o produto com a voltagem certa é essencial para que o produto entregue todo seu desempenho, além de impedir que ele queime ao ser ligado na voltagem incorreta.

Mas para quem não quer ficar se preocupando com isso, atualmente já existe uma boa gama de escovas secadoras disponíveis em modelo bivolt, o que facilita principalmente para quem costuma realizar viagens com frequência.

Nesses modelos, basta girar a chave em direção à voltagem escolhida e utilizar a escova normalmente.

Tecnologias de Tratamento

O excesso de calor é um dos fatores mais prejudiciais para a saúde do cabelo.

Por isso, cada vez mais produtos desse gênero vêm acompanhados de tecnologias que ajudam na hidratação, diminuição do frizz e brilho, cuidando dos fios mesmo quando eles estão expostos a altas temperaturas.

E com as escovas secadoras não poderia ser diferente.

Algumas das tecnologias mais comuns encontradas nos atuais modelos de escovas secadoras são a turmalina íon, tecnologia infravermelha e a emissão de íons negativos, cada qual com sua principal função.

Peso

O peso da escova também deve ser analisado no momento da escolha.

Cada modelo conta com um tamanho e peso específico que, dependendo do tempo de uso, pode deixar o braço cansado e, em alguns casos, até mesmo dolorido.

A maioria dos modelos costuma ter em torno de 550 gramas, o que é um bom peso.

Entretanto, já existem alguns designs mais leves, que são uma ótima alternativa para quem conta com fios mais grossos e compridos e acaba gastando mais tempo com a secagem.

Formato

As escovas secadoras possuem dois formatos padrão: oval e raquete.

Formato oval: o mais comum dentre os modelos, é responsável por modelar os fios, criando aquele aspecto de escova realizada em salão.

Ele é ideal para quem gosta de arredondar as pontas dos fios, como no penteado Chanel, e busca dar volume à raiz.

Modelo raquete: semelhante às escovas comuns, são ideais para quem busca de fato somente alisar os fios.

Geralmente com formato quadrado, tornam o alisamento um processo rápido e sem grandes segredos.

Consumo de Energia

Se tratando de um produto que, além de secar também irá modelar, é comum que seu tempo de utilização seja um pouco mais longo que o de um secador comum.

Por isso, é importante que você se atente ao consumo de energia da escova.

De maneira geral, elas possuem 1200w de potência, então consomem em torno de 1,2kWh.

Entretanto, é sempre bom conferir antes para evitar possíveis surpresas na conta de luz da sua casa.

Além disso, quanto mais potente for a sua escova, mais energia ela irá consumir.

Como escolher a melhor escova secadora por uso?

Além dos dados técnicos, muitas outras características também são importantes no momento de decidir o modelo ideal para a sua compra.

Cada cabelo, gosto e até mesmo o tipo de fio podem ser fatores decisivos no momento da escolha.

Confira algumas dicas essenciais para cada tipo de uso.

Para quem costuma viajar

Entre uma viagem e outra, independente do destino, sempre existe aquele momento em que queremos estar arrumadas e belas para uma boa foto.

Mas isso nem sempre é possível, ou até é, mas custando um bom espaço na mala.

Para quem gosta de viajar, a sugestão é apostar em uma escova secadora bivolt.

Elas são fáceis de trocar de voltagem, bastando girar a chave de acordo com a voltagem desejada.

Outra dica importante é optar por modelos menores e mais leves que ocupem menos espaço na mala e tornem o uso mais confortável.

Em vez de levar chapinha e acessórios, você leva apenas um produto e adapta ele ao seu gosto.

Para cada comprimento de cabelo

Cabelos curtos: Fios curtos possuem uma secagem muito rápida, o que torna desnecessário uma escova secadora muito potente.

Opte por modelos de 900w até 1200w, que são uma boa potência e permitem secar rapidamente sem prejudicar os fios.

As tecnologias de tratamento também são uma ótima aposta, independente da potência.

Cabelos compridos: Cabelos compridos costumam ser um pouco mais demorados no momento da secagem.

Opte por modelos mais potentes, de 1200w até 1300w, mas sem esquecer das tecnologias de tratamento, que irão garantir maior cuidado e diminuir os riscos de dano nos danos.

Por espessura do fio

Fios finos: Assim como no caso dos cabelos curtos, fios finos são rapidamente secos, o que não torna necessário uma grande quantia de calor.

Escolha um modelo com até 1200w de potência e com regulador de temperatura, o que tornará a adaptação mais fácil, possibilitando que você controle a temperatura que seu cabelo ficará exposto.

Fios grossos: No caso de fios mais grossos, o ideal são escovas secadoras mais potentes.

Quanto maior a potência menor será o tempo de secagem, onde mesmo utilizando o produto na sua menor temperatura, o processo ainda será ágil.

Para quem pretende usar diariamente

Usar escova secadora todos os dias estraga o cabelo?

Assim como qualquer outro produto com calor, como chapinha e babyliss, o excesso de calor prejudica os fios. Entretanto, existem diversas ações e escolhas que podem diminuir esse impacto.

Além do uso de protetores térmicos, o ideal para quem utiliza a escova secadora todos os dias é optar por modelos que contem com tecnologias de tratamento, responsáveis por diminuir o dano causado pelo calor.

Melhores tecnologias de tratamento para escovas secadoras

As tecnologias de tratamento mais comuns encontradas nas escovas secadoras atualmente se referem a turmalina íon, emissão de íons negativos e tecnologia infravermelha.

Cada cabelo possui suas próprias características, forças e fraquezas.

Por isso, vale à pena buscar pela tecnologia que melhor se encaixe nos pontos fracos dos seus fios.

A função da turmalina íon é responsável por potencializar a emissão dos íons negativos, trazendo mais brilho e maciez ao cabelo.

Enquanto a tecnologia infravermelha evita o ressecamento excessivo dos fios, secando a umidade diretamente do centro dos fios, selando as cutículas enquanto preserva a umidade natural do fio e elimina o frizz.

Uma dica muito válida também é sempre separar um tempo para realizar hidratações, bem como dias sem uso para que o seu cabelo possa descansar de tantos procedimentos.

Escova secadora X Escova rotativa: Qual a diferença?

Uma dúvida muito comum que costuma surgir: Qual a diferença entre escova secadora e escova rotativa?

Embora os modelos sejam parecidos, eles contam com algumas características que os diferenciam.

Por isso, te ajudamos a entender melhor seus principais diferenciais.

Rotativa x Manual: Como os próprios nomes já dizem, uma das maiores diferenças entre os produtos é o fato de um ser manual e o outro não.

Enquanto a rotativa pode facilmente ser controlada por botões e gira suas cerdas automaticamente, a escova secadora possui um trabalho 100% manual, seja para secar ou modelar.

Cabelo Úmido x Cabelo Molhado: Ambos os modelos servem para modelar os fios, entretanto, diferente das escovas secadoras, nem todos os modelos de escovas rotativas funcionam com o cabelo estando molhado, e sim somente úmido.

A escova secadora surgiu com a ideia de ser a substituta do secador de cabelo, secando os fios, enquanto o foco maior das escovas rotativas são a modelagem, não sendo a melhor alternativa para quem tem como foco principal a secagem.

Volume x Liso: A escova secadora busca secar, alisar e modelar, diminuindo o frizz e deixando os fios mais lisos e alinhados.

Enquanto a escova rotativa, por sua vez, busca dar mais volume aos fios, fugindo um pouco do resultado mais liso, com o resultado semelhante ao obtido em salões de beleza.

Acessórios: Outra diferença que não pode passar despercebida é quanto aos acessórios.

Enquanto a escova secadora conta apenas com o acessório de cerdas, a escova rotativa costuma possuir outros acessórios que permite que você altere entre os estilos de penteados a serem realizados.

Alguns acessórios servem para modelar, outros alisar e, em alguns casos, até criar ondas.

Qual a melhor escova secadora?

Agora que você já sabe como escolher o melhor modelo de escova secadora para seu caso vamos para os modelos selecionados por nossa equipe como as melhores opções de compra em cada categoria.

A Britânia Soft BEC07R não poderia estar na nossa lista em outra posição senão como a melhor escova secadora.

O modelo reúne o melhor dos dois mundos, sendo potente e bivolt, a melhor opção para viajantes de plantão.

Quando ligada no 220V, o modelo conta com 1300w de potência, enquanto no 127V, 1200w.

Seus 1300w de potência na versão 220V a torna um dos modelos mais potentes, atingindo altas temperaturas e gerando uma secagem mais rápida.

As tecnologias do modelo merecem destaque, além de apostar na turmalina íon e revestimento em nano cerâmica, a marca complementou a escova com natural care e luz infravermelha.

Enquanto a natural care usa suas cerdas para um cabelo com mais brilho e menos frizz, a luz infravermelha seca o cabelo de dentro para fora, diminuindo o ressecamento e selando as cutículas dos fios.

A BEC07R conta com 3 temperaturas e 2 velocidades, que podem ser juntamente controladas na parte inferior.

O cordão giratório de 360º está presente também, junto da alça para pendurar, o que facilita o armazenamento, principalmente quando ela está quente.

Quanto ao gasto de energia, o modelo tem um consumo aproximado de 1,2 e 1,3kWh.

Embora um pouco mais elevado quando na versão 220V, não causa grandes danos a conta de luz por também secar o cabelo mais rapidamente devido a maiores temperaturas.

Segundo a marca, seu peso fica em torno de 550 gramas, o que é um bom número.

Entretanto, é claro que todas essas vantagens custam um pouco mais alto, mas nada que seja assustador.

O preço, por se tratar de um produto bivolt, fica entre R$200 e R$250 dependendo da loja.

Um valor que consideramos justo, tendo em vista sua funcionalidade bivolt e a facilidade de manuseio.

A Britânia Soft BEC07R é, sem dúvidas, a melhor indicação para quem viaja e busca por um produto capaz de se adaptar a qualquer local com qualidade.

Prós
  • Bivolt
  • Potente
  • Turmalina íon
  • Revestimento em cerâmica
  • Natural care
  • Tecnologia infravermelha
  • Bom peso
Contras
  • Preço relativamente alto

A Britânia Soft BEC02 foi, por muito tempo, o sucesso de vendas entre as escovas secadoras.

Com os novos e aprimorados produtos do mercado, hoje ela ocupa a posição de melhor escova secadora custo-benefício.

Composta por um design preto com detalhes em roxo, ela tem o modelo ideal para encaixar a mão e tornar fácil de realizar a secagem e modelagem.

Embora sua principal função seja a secagem, o formato oval torna fácil de modelar as madeixas e fazer uma escova mais elaborada.

O modelo tem 1.200w de potência que secam o cabelo sem muito esforço e demora, além de se adaptar facilmente a todos os tipos de fio.

Suas tecnologias de tratamento turmalina íon com revestimento em cerâmica diminuem os danos causados pelo calor, emitindo íons negativos e selando as cutículas, deixando os fios mais brilhosos e macios.

O controle de temperatura fica localizado na parte inferior.

Basta girar em direção a temperatura desejada que, consequentemente, sua velocidade irá se alterar junto.

Ao todo, a escova conta com 2 velocidades e 3 temperaturas, sendo elas: 1 frio, 2 morno e 3 quente.

O cordão giratório 360º também está presente, facilitando os movimentos.

Já o consumo gira em torno de 1,2Kw/h, o que é um bom valor para quem não utiliza a escova por horas a fio, mesmo que use diariamente.

O peso da BEC02 fica em torno do padrão da maioria dos modelos da Britânia, 538 gramas, o que é um valor confortável.

Com preço mais abaixo em comparação a alguns outros modelos, junto do seu ótimo acabamento, a Soft BEC02 segue sendo uma das melhores alternativas do mercado.

Quanto a aspectos negativos, fica apenas um: ela não é bivolt.

Não ser bivolt não é necessariamente negativo, mas exige um pouco mais de atenção no momento da compra, para evitar possíveis dores de cabeça.

Prós
  • Potente
  • Turmalina íon
  • Revestimento em cerâmica
  • Ótimo custo-benefício
Contras
  • Não é bivolt

O modelo Soft Beauty Rose PEC09RG da Philco não poderia ficar de fora da nossa lista.

Além de ser o modelo mais famoso da marca, é também um dos mais elogiados.

Ao todo, são 1.200w de potência, que garantem fios secos e modelados sem demora.

Essa potência é distribuída em 3 temperaturas e 2 velocidades, que podem ser controladas em conjunto, através de um botão giratório na parte inferior da escova.

Aumentando a temperatura, consequentemente a velocidade vai aumentar também.

Seu design é diferenciado, fugindo do comum ao apostar em um tom branco com detalhes em rose.

Assim como a Mondial Golden Rose, não são poucos os vários relatos sobre a sua temperatura ser uma das mais altas.

Durante o uso, a escova emite íons de turmalina que, junto do revestimento em cerâmica, hidrata os fios, mantendo a umidade natural e deixando a secagem mais saudável.

Para facilitar o manuseio, além do cordão de 360º, ela acompanha uma alça que você pode usar para pendurar a escova, tornando seu armazenamento mais prático.

Na ponta da escova, há um relevo especial para que você possa apoiar a outra mão enquanto desliza a secadora pelas mechas, tornando a modelagem mais fácil.

O consumo gira em torno de 1,2kWh, padrão da maioria dos modelos.

A escova tem, em média, um peso de 660g, o que a torna intermediária, não muito leve, mas também não a mais pesada.

Para quem possui afinidade com a marca e quer um produto eficiente, a Beauty Rose é a escova de melhor opção.

Prós
  • Potente
  • Turmalina íon
  • Revestimento em cerâmica
Contras
  • Peso relativamente alto
  • Não é bivolt

A Mondial Golden Rose ES-02 é mais uma de nossas indicações de escova secadora.

O modelo se destaca pela sua qualidade geral e equilíbrio de vantagens.

Ela segue o padrão oval, possibilitando alcançar desde a raiz do cabelo até modelar as pontas.

Sua potência é de 1200w, um bom valor para realizar uma secagem rápida.

Seguindo o padrão, seu controle de temperatura se localiza na parte inferior.

Mas além das básicas 3 temperaturas, a Golden Rose se destaca por ter 3 velocidades que, assim como as demais, são alteradas conforme as temperaturas mudam.

Por essa razão, sua temperatura inicial já começa com bastante calor, e não de maneira fria ou morninha, diferente das demais.

É a combinação perfeita para quem quer uma secagem mais rápida.

Mas vale ressaltar que isso também exige maior cuidado com os fios, mesmo com as tecnologias de tratamento presentes.

Ele conta com a tecnologia turmalina íon e revestimento em cerâmica, que emite íons negativos e ajuda a manter a hidratação dos fios.

Seu cordão 360º também está presente, trazendo mais praticidade.

Consumindo em torno de 1,2Kw/h, a escova é uma das mais leves, pesando somente 480g.

A leveza, é claro, facilita para quem tem cabelos mais longos e grossos, e costuma ficar um tempo a mais com o produto em mãos.

Feedbacks de alguns usuários também fazem a fama do modelo como um dos mais silenciosos.

Prós
  • Potente
  • Turmalina íon
  • Revestimento em cerâmica
  • Leve
Contras
  • Preço relativamente alto
  • Não é bivolt

A Magic Air da Mondial conquista seu lugar como a melhor escova secadora em formato raquete.

Além de completa e acessível, ela é uma ótima opção para quem prefere não modelar os fios, e sim acentuar ainda mais o liso.

Assim como a maioria dos modelos, ela tem 1200w de potência, o que proporciona boas temperaturas.

Seguindo o padrão, o modelo possui 3 temperaturas, entretanto não há informações quanto as suas velocidades.

Durante o uso da escova, são emitidos íons negativos pela tecnologia turmalina íon, deixando os fios mais brilhosos mesmo com o calor.

Além disso, a tecnologia ajuda na diminuição do frizz que pode acabar prejudicando o aspecto do liso.

A escova conta também com cordão giratório 360º e alça para pendurar, dando maior conforto e facilidade na hora de armazenar.

O consumo da Magic Air fica em torno de 1,2 kWh, o que consideramos uma boa despesa elétrica.

Ela se trata de um dos modelos mais leves do mercado, pesando ao todo cerca de 450g.

Para quem tem cabelos mais grossos e longos, ela é ideal por cansar menos os braços.

Entretanto, vale destacar que o modelo não apoio espaço reservado na sua ponta, como no caso dos modelos ovais.

Mas pelo seu objetivo ser justamente pentear e alisar, não necessariamente modelar, não consideramos essa uma característica negativa.

Prós
  • Potente
  • Formato raquete
  • Tourmalina Íon
  • Revestimento em cerâmica
  • Leve
Contras
  • Não é bivolt

A BES10 Nano Ceramic da Britânia surge como uma excelente opção, é a escova secadora mais leve do mercado.

Com seus 1000w de potência, a escova atinge boas temperaturas, mas não tão altas quanto outros modelos, o que pode ser uma boa opção para cabelos de espessura mediana ou mais frágeis.

Um dos maiores diferenciais do modelo, além da potência, é o seu acessório de secador convencional.

Dessa forma, você pode trocar o bocal, optando por usar somente o secador e não o modelador.

Localizadas na parte inferior, as 3 temperaturas do modelo contam com 2 opções de velocidades, as quais mudam em conjunto.

A tecnologia turmalina íon, junto do revestimento em nano cerâmica, proporciona um calor com menor quantidade de dano, diminuindo o frizz e deixando os cabelos mais macios.

Para quem gosta de liberdade e se costuma se mover enquanto seca o cabelo, o cordão giratório 360º também está presente.

Sua potência também traz como consequência um menor consumo, em torno de 1 kWh.

O modelo também se trata do mais leve disponível atualmente, pesando cerca de 390 gramas, segundo a Britânia.

Todas essas características fazem do BES10 um produto intermediário e versátil, excelente para cabelos mais sensíveis.

Prós
  • Turmalina íon
  • Revestimento em cerâmica
  • A mais leve do mercado
  • Com acessório de secador
  • Baixo consumo
Contras
  • Não é bivolt

A Soft Brush da Philco é nossa indicação para quem busca uma escova secadora boa e barata.

Assim como os outros modelos da nossa lista, são 1200w de potência que garantem uma boa secagem e alisamento através do seu formato raquete.

Com 3 opções de temperatura e 2 de velocidade, você consegue adaptar aquela que melhor se adequa aos seus fios.

O formato raquete é uma ótima opção para quem quer alisar os cabelos, em vez de modelar, deixando um aspecto liso mais natural.

Através do cordão giratório de 360º e do anel pendurador, você pode se mover e guardar a escova mais facilmente, mantendo seu ambiente organizado e o produto guardado.

O consumo não foge do convencional, ficando em torno de 1,2 kWh, geralmente a média das escovas secadoras.

A Soft Brush, entretanto, acaba ficando em falta com as tecnologias de tratamento e com seu peso.

Sem tecnologias de tratamento, o que reflete no seu preço mais baixo, é preciso dar ainda mais atenção a protetores térmicos.

Já seu peso de 690 gramas é um dos maiores, a tornando mais indicada para cabelos curtos e finos, que secam mais rapidamente.

Se você possuir fios grossos e utilizá-la por muito tempo, pode cansar os braços e sentir um certo incômodo.

Mas, apesar disso, a escova secadora segue como uma excelente alternativa de preço baixo e qualidade.

Prós
  • Potente
  • Formato raquete
  • Barata
Contras
  • Sem tecnologia de tratamento
  • Relativamente pesada
  • Não é bivolt

128 comentários

  1. Boa noite!! Estou em dúvida entre o modelo de escova secadora Oval da Taiff e a BES13VD da britania. Qual seria melhor para alisar a raiz do cabelo?? Obrigada!! Suas dicas ajudam muito.

    1. Jane,

      Ambos os modelos são de marcas renomadas, e muito bem recomendados. Porém, eles contam com três características que os diferencia muito: a capacidade, a potência e as tecnologias de tratamento.

      Enquanto a BES13VD é bivolt, pode ser mais potente (se usada em 220v) e conta com três tecnologias, o modelo da Taiff não é bivolt, pode ser menos potente e não apresenta nenhuma tecnologia, deixando os cabelos mais expostos ao calor e, consequentemente, mais frágeis.

      As duas escovas possuem o formato oval, que alcança a raiz sem problemas e sem machucar o couro cabeludo, então eu diria que as duas fazem um excelente trabalho nesse quesito.

      Mas como a Britânia BES13VD possui de 1200w a 1300w, tecnologias de tratamento e é bivolt, ela é minha indicada. Acredito que, apesar da pequena diferença de preço, seja um investimento que vale a pena.

      Mas vale lembrar que, independente das tecnologias, o uso do protetor térmico é indispensável.

      Espero ter ajudado!

  2. Ola! Tenho a bec02 da Britânia, uma ótima escova, porém as cerdas não são nada resistentes entortam e caem muito rápido em menos de dois anos já troquei duas vezes as cerdas 🥲 poderia me indicar uma escova de cerdas mais resistentes?? Não necessariamente tem que ser da Britânia, gostaria de uma opinião sobre a melhor escova e com resistência maior! Desde já muito obrigada ☺️

    1. Tatiane,

      A durabilidade das cerdas é uma característica complicada, até mesmo pelas variações existentes, que vão além do que se pode medir. Entretanto, existem alguns materiais que são considerados mais resistentes ao calor.

      Geralmente esses materiais estão inseridos em escovas bivolt que, por alcançarem temperaturas mais elevadas, precisam de maior proteção para uma boa durabilidade.

      Minha recomendação para você é a Britânia BEC07R, que é justamente um modelo bivolt. Sua potência alterna entre 1200w e 1300w, dependendo a voltagem escolhida. As cerdas são natural care, que são mais resistentes ao calor, um pouco mais duras que a da BEC02, mas nada que machuque o couro cabeludo ou agrida o cabelo. O modelo também conta com diversas tecnologias que favorecem os fios, para diminuir os danos causados pelo excesso de calor. Dentre essas tecnologias estão a luz infravermelha, turmalina íon e revestimento em nano cerâmica.

      Acredito que o modelo vá se adequar perfeitamente ao seu uso e ao que você busca.

      Espero ter ajudado!

  3. Nossa esses guias nos ajudam demais na decisões , eu estava muito em dúvida, mas agora já decidi. Obrigada! Eu amei ….

    1. Obrigado Yohana!

  4. Qual é a melhor para a voltagem 110? Tenho cabelo comprido, fio grosso, ondulado, volumoso. Então preciso de algo realmente potente, e sinto que tudo na voltagem 110 fica fraco.

    1. Beatriz,

      De fato, boa parte dos modelos mais potentes tendem a ser mais fracos quando em 110v, em comparação com suas versões 220v. Infelizmente, ainda não existe alguma escova não bivolt que atinja 1300w, que é a maior potência para esse tipo de produto até o momento. Por isso, minha indicação seguirá em torno das versões bivolt.

      Minha recomendação para você é a Britânia BES24P, que é um dos pouco modelos que não conta com indicação de menor potência quando em 110v. Ou seja, aparentemente ela permanece com 1300w independente da voltagem, o que me parece a principal característica que você busca.

      Espero ter ajudado!

Quer uma recomendação personalizada? Peça em um comentário

Seu email não será publicado.